Negócios
 
Samir Iásbeck
Samir Iásbeck
Samir Iásbeck
 

“Nossos investidores acabam sendo mais imediatistas”
Samir Iásbeck – Cofundador e CEO do Qranio

 
19/01/2018
 



O empreendedor Samir Iásbeck sempre achou uma chatice ter que ir à escola e estudar. Mas o mesmo não se aplicava ao ato de aprender, coisa que sempre o fascinou. O incômodo com o padrão de ensino em sala de aula o acompanhou por toda a vida, inclusive na universidade. O empresário então decidiu resolver essa questão interna com a criação do Qranio, um aplicativo que abre as portas para o conhecimento e quebra a barreira da obrigatoriedade, transformando o aprendizado em algo divertido e que pode receber até recompensas. A startup brasileira surgiu em 2011, focada no segmento B2C, ganhando milhões de usuários no aplicativo em pouco tempo e, com isso, entrando para a lista do Google dos melhores aplicativos do ano em 2015. A transição para o segmento corporativo foi rápida e hoje a empresa foca no mercado B2B. “O nosso propósito está em tornar o aprendizado em algo divertido para as pessoas. Assim, nossa preocupação está na forma como esse aprendizado acontece independente do que elas precisam aprender. As pessoas acham que inovação é fazer algo como um carro que voa. Mas a inovação está ligada a melhoria de algo, de um processo, por exemplo. Na Qranio, como já disse, acreditamos que podemos tornar o aprendizado mais divertido. Para isso, usamos conceitos de gamificação, microlearning e mobile”, afirma o empresário inovador.