Artes
 
Eduardo Leme
Eduardo Leme
Eduardo Leme
 

“Nós temos artistas fantásticos por aqui”
Eduardo Leme – Fundador da Galeria Leme

 
09/10/2017
 



O economista Eduardo Leme passou a frequentar o restrito circuito de arte a convite de amigos e da artista plástica Dora Longo Bahia, sua parente. Leme via o novo interesse como um hobby. Atraído pelo trabalho de alguns jovens artistas e pelos bons preços, Eduardo começou sua coleção de arte. Uma viagem à feira espanhola de artes ARCO foi o suficiente para que o economista percebesse a dimensão do mercado, além de visitas às exposições de artistas recém-formados na Inglaterra. Por volta dos 40 anos, Eduardo decidiu montar uma galeria e convidou o renomado arquiteto Paulo Mendes da Rocha para projetar o espaço. Em 2004, inaugurou sua Galeria Leme representando apenas 06 artistas. Com o crescimento da galeria, convidou novamente Mendes da Rocha para projetar um novo espaço, também no bairro do Butantã em São Paulo. A reinauguração foi em 2012. "Na verdade eu não leio muito hoje em dia, prefiro ver e escutar os artistas e galeristas, acho que assim aprendo mais. Há alguns anos conheci um artista pessoalmente que era próximo do Hélio Oiticica [pintor, escultor, artista plástico e performático de aspirações anarquistas, 1937 – 1980] e da Lygia Clark [pintora e escultora contemporânea que se autointitulava "não artista", 1920 – 1988]. Fui até seu atelier para conhecer sua obra e assim fiz", afirma o galerista.