Pensamento
 
Martha Medeiros
Martha Medeiros
Martha Medeiros
 

“Cada um de nós é um planeta”
Martha Medeiros – Jornalista, escritora, aforista e poetisa

 
15/06/2018
 



Martha Medeiros fez carreira na área de publicidade e propaganda, trabalhando nessa profissão em diversas agências de propaganda, em setores de criação e de redação. Publicou seus primeiros livros de poesia, “Strip Tease” (1985), “Meia Noite e um Quarto” (1987) e “Persona Non Grata” (1991). Em 1993, foi morar no Chile e abandonou a carreira publicitária para se dedicar à poesia. Ficou naquele país por nove meses. Em seguida publicou: “De Cara Lavada” (1995), “Geração Bivolt” (1995), seu primeiro livro de crônicas, “Santiago do Chile” (1996), crônicas e dicas de viagem, “Topless” (1997) que ganhou o Prêmio Açorianos de Literatura, e “Trem Bala” (1997) que fez grande sucesso e foi adaptado para o teatro. Como cronista, Martha Medeiros escreve para os jornais Zero Hora e O Globo. Entre outros trabalhos, publicou: “Divã”, (2002) romance que originou um filme e uma série de TV, estrelado pela atriz Lília Cabral, “Coisas da Vida” (2003), “Selma e Sinatra” (2005), “Tudo Que Eu Queria Te Dizer” (2007), “Doidas e Santas” (2008), “Fora de Mim” (2010), “Noite em Claro” (2012), “Um Lugar na Janela” (2012) e “A Graça da Coisa” (2013). Seu mais novo livro intitulado “Quem diria que viver ia dar nisso” é uma coletânea de mais de 100 crônicas publicadas nos jornais Zero Hora e O Globo entre 2015 e 2018. "Sou uma entusiasta da vida e de tudo o que a compõe", afirma a respeitada escritora.