Entrevista publicada em 02/12/2019 por Eder Fonseca em Negócios
 
 

“A inovação é fator primordial”
Ronaldo Fernandes da Silva – Presidente da FM Logistic do Brasil

Ronaldo Fernandes da Silva

Fundada na França em 1967, a FM Logistic faturou 1,3 bilhão de euros (2018-2019). Está presente em 14 países da Europa, Ásia e América Latina e conta com, aproximadamente, 27 mil colaboradores. A FM Logistic investe constantemente em inovação para oferecer soluções logísticas de armazenagem e co-packing para atender às necessidades dos consumidores, bem como do crescimento do e-commerce e do omnichannel. Seu portfólio de atuação abrange indústrias nacionais e internacionais de bens de consumo, varejo, cosméticos, manufaturados e produtos de cuidados pessoais. No Brasil, está presente desde 2013, onde conta com cinco centros de distribuição localizados estrategicamente em SP, SC, RS, MG e RJ, empregando cerca de mil colaboradores. “Acreditamos que em períodos de crise surgem as melhores oportunidades. É quando as empresas com know how conseguem ampliar seu escopo de serviços, desenvolver as melhores estratégias e alinhar com as necessidades do mercado, bem como dos clientes. Porém, temos ciência de que a economia ainda não engrenou. O Brasil saiu de uma projeção de crescimento, no início do ano, de 2,7%, e agora já se discute um percentual de menos de 1%. A confiança ainda não está presente no nosso cenário”, afirma Ronaldo Fernandes da Silva, presidente da FM Logistic do Brasil, em entrevista exclusiva ao portal Panorama Mercantil.

 

Ronaldo, o que você absorveu com o tempo como executivo e que vai de encontro com as expectativas da FM Logistic?

O momento que fui convidado a atuar na FM Logistic condizia exatamente com a reestruturação que a empresa estava fazendo na gestão no Brasil. Eles buscavam por um profissional brasileiro e que tivesse amplo conhecimento em logística e transporte. A partir disso, surgiu o convite para ser country manager. Tenho mais de 20 anos de experiência em empresas nacionais e internacionais do setor. Sou formado em engenharia industrial pela USP com pós-graduação em administração de empresas pela FGV. Todo o amplo conhecimento adquirido na área industrial, distribuição, desenvolvimento de negócios e operações logísticas tanto no Brasil quanto no Chile, bem como o foco em integração de empresas na América Latina, refletem o perfil da FM Logistic no mercado brasileiro. É um mix de competências profissionais, comerciais, pensamento estratégico e habilidade, principalmente, no gerenciamento de pessoas e relacionamento com clientes, pois, são os dois grandes pilares do grupo FM Logistic.

 

Qual a maior responsabilidade e os maiores desafios em se dirigir uma empresa com planos importantes de negócios para o Brasil?

Dirigir uma empresa com o porte e a importância da FM Logistic no mercado é um trabalho entusiasmante e desafiador. Entre as responsabilidades e desafios dessa gestão estão desenvolver novos produtos voltados ao omnichannel e à logística verde, bem como o comprometimento com o meio ambiente, que é algo que está no DNA da FM Logistic e ela quer intensificar ainda mais no Brasil. Além disso, temos a expectativa de que os investimentos que serão feitos se tornem rentáveis, já que o Brasil é um mercado potencial para os negócios da companhia.

 

Como se encontra o setor em que a FM Logistic atua em outras partes do mundo (tirando o Brasil)?

O setor de logística, com destaque para os operadores logísticos, tem se transformado para acompanhar o dinamismo do mercado e as constantes mudanças, principalmente, no que diz respeito à tecnologia e inovação. Isso tudo para atender ao novo tipo de consumidor, revendo os modelos de distribuição e da malha logística. A automação e a transformação digital são fatores primordiais para as empresas que atuam no segmento de logística. Os operadores têm buscado de forma incessante mais tecnologia e modernização para aumentar a produtividade.

Com destaque para a FM Logistic, queremos avançar na digitalização das atividades e processos, na robotização e no gerenciamento da distribuição. O grande desafio global do setor é o omnichannel e nossa atenção está voltada a esse nicho de negócio.

 

Por que a empresa acredita na potencialidade do nosso país mesmo em um momento tão conturbado da nossa economia?

Acreditamos que em períodos de crise surgem as melhores oportunidades. É quando as empresas com know how conseguem ampliar seu escopo de serviços, desenvolver as melhores estratégias e alinhar com as necessidades do mercado, bem como dos clientes. Porém, temos ciência de que a economia ainda não engrenou. O Brasil saiu de uma projeção de crescimento, no início do ano, de 2,7%, e agora já se discute um percentual de menos de 1%. A confiança ainda não está presente no nosso cenário.

A expectativa é de que após a aprovação das reformas da previdência e tributária, o ânimo volte a se fazer presente, com um crescimento aceitável. A economia retraída faz com que muitas empresas tenham que puxar o freio. Claro que estamos atentos às demandas do mercado e em compasso de espera para que a economia brasileira receba uma injeção de ânimo o mais breve possível. Porém, as nossas atividades não podem parar. A FM Logistic direciona atenção aos investimentos constantes em tecnologia e inovação para agilizar ainda mais as operações logísticas dos nossos clientes e, consequentemente, oferecer mais qualidade e custos competitivos. Anualmente, nossa taxa de crescimento tem se mantido na casa dos dois dígitos.

 

Como a empresa tem visto o setor de e-commerce em especial?

Diante do novo comportamento de compra do consumidor relacionado à digitalização, a FM Logistic desenvolve soluções multicanais adaptadas às necessidades do mercado. A empresa tem um leque completo de serviços que envolve inovação, excelência operacional e melhoria contínua, o que permitem respeitar as exigências do mercado de e-commerce, através de processos ágeis e confiáveis e que auxiliam diretamente no aumento das vendas dos clientes.

Entre os serviços oferecidos pela empresa à logística do e-commerce estão soluções multicanais que envolvem a preparação para varejo e comércio eletrônico, controle e qualidade dos produtos, embalagem, personalização de pedidos, soluções de transporte e gestão de devoluções. Dispomos de 5 armazéns multiclientes especializados em e-commerce e localizados em regiões estratégicas em SP, SC, RS, MG e RJ. Esses centros de distribuição são especialmente preparados para atender variações de atividades, gerenciar e reabastecer estoques e cumprir prazos de entregas. Hoje, 10% do faturamento da FM Logistic do Brasil é proveniente de operações de e-commerce, com destaque para movimentação de cosméticos e bens de consumo.

 

O que esse ramo pode trazer de diferencial para empresa?

Hoje, 10% do faturamento da FM Logistic do Brasil é proveniente de operações de e-commerce, com destaque para movimentação de cosméticos e bens de consumo. Somos otimistas com relação a uma retomada da economia brasileira e a estabilidade da taxa cambial, o que refletirá positivamente nos mercados atendidos pela empresa. Além disso, a FM Logistic manterá um crescimento sustentável e orgânico, investindo constantemente em inovação e atendendo o aumento do e-commerce e do omnichannel. Seja em períodos de crescimento ou de retração, o foco da empresa é sempre prezar pela qualidade dos serviços prestados. Atuamos fortemente em mercados considerados primordiais para os negócios da empresa, entre eles, bens de consumo, varejo, cosméticos, manufaturados e cuidados pessoais. São setores estratégicos dentro da economia do Brasil e que têm investido constantemente em tecnologia e inovação. O crescimento desses segmentos impacta diretamente no fluxo das nossas atividades.
FM Logistic

Confiança: O presidente da FM Logistic, Ronaldo Fernandes da Silva (Foto: AP)

 

Quais são os principais pilares da FM Logistic?

A FM Logistic é uma empresa familiar na qual os valores propostos pelo fundador estão entre os principais benefícios para os clientes. É uma companhia fundamentalmente preocupada em construir relações de confiança, principalmente, respeitando as relações humanas. A cultura da empresa é baseada em 3 valores fundamentais: confiança, performance e abertura. A confiança ressalta que cada membro da equipe é importante e merece respeito, consideração e gentileza. Com confiança, as pessoas podem dar o melhor de si, renovar as energias e trabalhar de forma cooperativa e autônoma. A confiança é a base das relações sustentáveis dentro de uma empresa, com clientes e parceiros. É dado por princípio e cresce com o tempo. A performance retrata que a aspiração da FM Logistic é baseada na satisfação do cliente e no alcance de resultados de alto padrão.

Este desempenho é obtido porque focamos diariamente em qualidade, segurança e melhoria contínua. Os colaboradores são a chave para obter essa performance através de excelência, compromisso coletivo e senso de responsabilidade. E a abertura reflete que em um mundo em constante mudança, a companhia precisa se reinventar a todo o momento e inovar para oferecer aos clientes os melhores serviços. Ser aberta torna possível questionar procedimentos existentes ouvindo todas as partes envolvidas. Isso cria relação de ganha-ganha em um espírito de parceria e permite que os colaboradores demonstrem iniciativa e criatividade.

 

Como a inovação é vista pela empresa?

A inovação é fator primordial para o sucesso dos negócios da FM Logistic. Globalmente, investe mais de 70 milhões de euros em inovações voltadas às soluções logísticas. A empresa também tem um trabalho bem próximo aos desenvolvedores de soluções de tecnologia para ganhar produtividade nas operações e dar mais visibilidade aos clientes de cada etapa do processo logístico. Somos uma empresa aberta à inovação e transformação digital, mas não apenas no aspecto tecnológico, mas também em métodos de gestão. A FM Logistic reuniu sob a mesma liderança de TI os departamentos de soluções comerciais e de negócios, incluindo os membros de inovação, pesquisa, projetos, métodos e processos, tudo visando a melhoria contínua das equipes. A equipe de TI desempenha um papel central na inovação, coordenando todas as atividades envolvidas na transformação digital, na migração de aplicativos para a nuvem e big data.

 

Os investimentos em inovação são recorrentes na organização?

A empresa investe constantemente na automação dos processos de armazenagem, aumentando a eficiência operacional com a implantação de veículos guiados automatizados digitais (AGVs) e robôs colaborativos. A companhia também segue no processo de transformação digital, com a migração de vários aplicativos para a nuvem, a adoção de novos sistemas de gerenciamento de armazém (WMS), a implantação do RH Digital e a introdução do G Suite do Google.

A FM Logistic conta com diversas soluções inovadoras já em operação no mercado, como veículos 100% elétricos. Um destaque que podemos ressaltar é que já estamos em teste, na Europa, com veículos elétricos para movimentar cargas de mais de 16 toneladas. Também utilizamos drones em algumas operações específicas, bem como robotização em linhas de co-packing.

 

Em que momento o conceito de logística verde cruza com anseios da FM Logistic?

O conceito de ecossistema na FM Logistic está estruturado em integrar as atividades em um ambiente que envolva cuidar das pessoas (colaboradores) e do meio ambiente. Com os colaboradores, o foco é garantir condições de trabalho seguras e justas para o desenvolvimento de habilidades que transformem o negócio da empresa criando uma cultura colaborativa para capacitar a todos para mudanças ou inovações. No aspecto ambiental, o eixo central está em neutralizar as emissões de carbono nas atividades logísticas nos armazéns, desenvolvendo soluções sustentáveis na cadeia de abastecimento. Até 2022, temos expectativas agressivas para tornar nossas operações ainda mais sustentáveis.

Queremos reduzir em 15% o footprint ecológico da empresa, bem como diminuir entre 10% e 12% o consumo de energia. É importante ressaltar também que em junho de 2018, a FM Logistic tornou-se membro do Pacto Global das Nações Unidas, unindo-se ao círculo de empresas internacionais comprometidas com o desenvolvimento sustentável. Com isso, a empresa tem como objetivo central neutralizar as emissões de carbono nas atividades de armazenagem e co-packing até 2030.

 

Quais as expectativas de crescimento da empresa para o ano vigente?

No ano fiscal de 2018-2019, finalizado em 31 de março de 2019, a FM Logistic registrou um faturamento de 1,3 bilhão de euros, um aumento de, aproximadamente, 12% em relação ao período anterior, e lucro antes de juros e impostos (EBIT) de 35,1 milhões, cerca de 32% acima dos 26,5 milhões de euros no ano passado. Ajustado pelos efeitos cambiais, o crescimento da receita foi de 15%. A melhora do EBIT foi impulsionada pelas medidas tomadas pela companhia para aumentar a eficiência operacional e ser mais seletiva na abordagem comercial.

O incremento da receita foi exclusivamente orgânico, um indicativo da confiança dos clientes. A melhoria da rentabilidade reflete os primeiros resultados do nosso plano estratégico, iniciado em 2017 e que tem quatro objetivos centrais: definir preços adequados para os serviços, aumentar a eficiência operacional, desenvolver recursos humanos e ser mais seletivo do ponto de vista comercial.

Um vídeo da empresa FM Logistic

Patrocinado por:
Sapato Site




Imprimir

Eder Fonseca

 
Diretor executivo e editor do Panorama Mercantil.