Entrevista publicada em 03/06/2019 por Eder Fonseca em Pensamento
 
 

“A Kabbalah oferece as chaves espirituais”
Joseph Saltoun – Rabino, mestre da Kabbalah, escritor, pesquisador e palestrante

Joseph Saltoun

Joseph Saltoun é um mestre da Kabbalah, escritor, pesquisador, palestrante, comentarista e estudioso da Kabbalah e da Teosofia Religiosa desde os 22 anos, tendo iniciado em 1982 e é um dos poucos privilegiados a serem ordenados como rabino e sábio da Kabbalah pelo renomado rabino P. S. Berg (fundador do Kabbalah Centre International). Seu método de ensino segue os ensinamentos dos cabalistas originais, como: rabino Shimon Bar Yochai – autor do Zôhar, rabino Isaac Luria, entre outros. No Brasil dirigiu o Centro de Estudos de Cabalá, SP, nos anos 1997 a 2004. No ano 2008 fundou o Instituto e Editora Meron para a Kabbalah fazer parte da Dinâmica Cultural e do resgate as origens cuturais dos povos. De sua autoria foram publicados muitos livros sobre a Kabbalah e em diferentes idiomas. Publicou várias obras para todos os níveis de estudantes. Graças a sua devoção fiel e experiência profunda é considerado um dos principais mestres da Kabbalah em nossos tempos. Atualmente, reside no Canadá e viaja o mundo compartilhando seus ensinamentos espirituais da Kabbalah aos grupos de estudos. “Toda a sabedoria da Kabbalah é para ajudar a humanidade para evoluir espiritualmente; conseguir dar o necessário passo para frente e realizar a última etapa de sua evolução para chegar a sua redenção final”, afirma o rabino, pesquisador e palestrante de renome internacional.

 

Rabino, por que a Kabbalah é tão importante no mundo atual que é cercado de incertezas?

É justamente por causa das incertezas que nos cercam que a Sabedoria da Kabbalah é tão importante. Ela nos traz clareza e uma sensação de certeza enquanto nos sentimos perdidos e confusos com tudo que está acontecendo e com a rapidez das mudanças. Tudo tem um propósito. Além do caos da vida sensorial há uma dimensão de consciência divina e iluminada que emana certeza absoluta. O exemplo é de uma tempestade que acontece: quem fica embaixo das nuvens experimenta apenas destruição e desespero, mas quem consegue levantar a cabeça em cima das nuvens negras verá os raios do sol e o céu claro e limpo.

 

O que podemos absorver dos sábios da Kabbalah para levarmos uma vida mais próspera em todos os sentidos que essa palavra possa ter?

A fonte da prosperidade, que todos nós estamos procurando, não se encontra na dimensão física de nossa existência, mas sim na metafísica. A Kabbalah oferece as chaves espirituais e nos ensina como acessar esta fonte. a Luz da prosperidade é ilimitada e a única barreira que encontramos é aquela que nós mesmos colocamos. Uma vez que conseguimos tirar este bloqueio, a Luz da prosperidade vai fluir para nós. A única condição é de seguir a missão de nossa alma.

 

Jesus foi o maior sábio que pisou nesta Terra?

No mundo dos sábios não há maior nem menor porque não seria sábio comparar entre as pessoas e julgar quem é o superior e quem é o inferior. Só no mundo onde pessoas se competem entre si e brigam para pegar o que não lhes pertence há uma necessidade de se provar quem é o maior e quem é o menor. É uma forma muito distorcida e até perversa para se avaliar e avaliar o outro. “Se eu ganho mais que o outro, então sou mais importante” – assim muitas pessoas pensam! Cada sábio chegou ao nosso mundo em épocas bem específicas, muitas delas em tempos de crise, para revelar a sabedoria divina e apresentar a palavra de Deus à sua geração. Portanto, seria insensato entrar em uma avaliação de competição entre os sábios. Temos que aprender de todos em forma igual.

 

O Livro da Formação é o primeiro livro da Kabbalah. Por que esse livro é tão importante para entendermos os dias atuais?

A Sabedoria da Kabbalah é chamada também de a Sabedoria da Verdade. Porém, não é uma verdade manipulada e corrompida que muda segundo os interesses do ser humano. É aquela “verdade” que não muda e não se altera! Ela é divina e absoluta. Portanto, depois de quase quatro mil anos de tentativas (inúteis) do ser humano de torcer a realidade e manipular o conhecimento para servir seus interesses perversos de ganância e ganho imediato em detrimento do outro e afinal no seu estamos acordando para a busca pela verdade divina e pura, que também é incorruptível. Esta, encontra-se no Livro da Formação, escrito pelo Patriarca Abraão (Avraham) por volta de 3.800 anos atrás.

 

Qual o significado da inteligência?

Conforme o que aprendemos na Kabbalah podemos explicar o conceito de Inteligência como a definição da vontade ou do desejo. Afinal, o que queremos de verdade saber nos exames de inteligência é descobrir qual é o desejo verdadeiro da pessoa, certo? E se ela tem a capacidade e os talentos para realizar aquele desejo. Contudo, segundo a Kabbalah, uma vez que a pessoa descobre a sua vontade verdadeira, ela vai ter toda a capacidade e habilidade de realizá-la. Mais ainda, ela vai ficar feliz e contente.

 

Como a inteligência divina, a inteligência humana e a inteligência artificial podem andar em uníssono?

Inteligência divina é popularmente conhecida como a Vontade de Deus. Essa inteligência divina que faz parte da essência do ser humano nos dá o conhecimento de discernir entre o bem e o mal e a força para exercermos o livre arbítrio e sermos diferentes do animal. Qualquer criatura que não tem livre arbítrio é considerada uma criatura com inteligência artificial, seja um animal, um computador, uma máquina, um robô, etc.

Sim, é possível para os três tipos ou níveis de inteligência andarem em uníssono, mas só se o ser humano resgatar a sua própria inteligência divina e potencializar o seu livre arbítrio, senão ele será dominado pela inteligência artificial e cairá ao nível sub-humano de existência.
O rabino

Inteligências: O rabino e mestre da Kabbalah, Joseph Saltoun (Foto: Arquivo/AP)

 

Como usar a mente sempre para a evolução e não para a destruição?

Quando nossa mente fica dominada por nossa inteligência artificial e robótica andando na vida sem consciência alguma, ela se torna uma força muito destruidora. A salvação vem quando conseguimos “conectar” nossa mente com a nossa alma. A alma é o “representante” da Vontade de Deus, ou seja, da Inteligência Divina, que tem como transmitir a nossa mente a sabedoria divina e ensinar a nossa mente como exercer o livre arbítrio corretamente.

 

Distinguir uma informação corrupta é sempre possível ou ela pode vir “camuflada” como boa informação?

Sem dúvida, muitas informações que nossa mente recebe absorve e assimila como a “Verdade Absoluta” são completamente refutáveis, ou “camufladas”. Por esse motivo é muito necessário conectar nossa mente com a Inteligência Divina de nossa alma e acessar as fontes autênticas e puras da informação.

 

É simples trocar essa informação por uma informação que mantém uma alma, uma mente e um corpo sãs?

É só através de informação autêntica que podemos manter nossa alma e corpos intactos e, com isso, vem a saúde, espiritual, mental e emocional. Informação camuflada e contaminada por mentiras e falsidades prejudicam o nosso ser e bem-estar.

 

Qual o maior propósito do curso que é ministrado pelo senhor?

Toda a sabedoria da Kabbalah é para ajudar a humanidade para evoluir espiritualmente; conseguir dar o necessário passo para frente e realizar a última etapa de sua evolução para chegar a sua redenção final.

Um vídeo do rabino Joseph Saltoun

Patrocinado por:
Sapato Site




Imprimir

Eder Fonseca

 
Diretor executivo e editor do Panorama Mercantil.